santa bagunça!

Já confessei que eu não sou a pessoa mais organizada do mundo quando mostrei os organizadores de revistas.
Não tenho obsessão por organização e simetria. 
Mas dentro dos limites de um pequeno caos e movimento, coloco tudo em seu lugar e, acima de tudo, sei exatamente onde cada coisa se encontra.
Meu grande – diria, enorme – desafio como mãe é mostrar aos pequenos como, quando e onde guardar suas coisas. 
São infinidades de pecinhas, jogos, capacetes, rodas, carrinhos, sapatinhos, bolsas… até para contar a lista  toda a gente cansa. 
Não quero simetria.
Quero apenas o básico: que eles encontrem o que procuram, quando procuram e tenham uma regra (e local) claros para guardar depois de usar.
Esta semana tentei a tática que a Cris Abreu mostrou na postagem “brincar de guardar” com uma adaptação: forma os pequenos que escreveram, desenharam  e colaram as etiquetas descritivas de cada caixa organizadora.
Com esta inclusão no processo, será que agora minha ideia funcionará?
Beijocas

detalhe: repararam como tudo foi escrito e desenhado? A vida tem mais charme com estas belezinhas…

Flávia Ferrari

Engenheira E “dona de casa profissional” Abandonou uma carreira executiva para dedicar-se à maternidade e à vida doméstica e percebeu que havia um hiato de conhecimento sobre o tema. Começou a registrar todas as suas descobertas em seu site, FLÁVIA FERRARI, que gerou vários desdobramentos: revistas e programas de TV aberta e fechada. Sua mais nova empreitada é o canal A Dica do Dia no YouTube, onde posta vídeos com pequenas dicas domésticas todas às terças e quintas.
Flávia Ferrari

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE

  • antigaantiga Uma das etapas do processo de reorganização da minha vida doméstica foi a mudança de […]
  • meu quarto, meu universomeu quarto, meu universo Pensando em restrospectiva, o ambiente da minha casa que mais teve mudanças foi o quarto […]
  • Cozinha descoladaCozinha descolada Comentário inicial: Achei que nesta semana curta de feriado minhas postagens iriam […]