[DENDROBIUM]

tempo de denphal


Agora é a época: olhando pelos supermercados vários exemplares de denphal sorrindo para os clientes.
Eu, que não resisto às piscadelas que estas flores me dão, voltei com três para casa. Já tinha uns três exemplares e confesso que não eram as minhas preferidas (a primeira que comprei vivia cheia de pragas, difíceis demais de matar), mas não resisti a esta cor.
Rosa claro, acho que não tinha nenhuma orquídea com cor de menina assim.
E já ia aproveitar para escrever sobre híbridos, porque até onde tinham me dito a denphal era uma orquídea resultante do cruzamento de dendrobiuns e phalaenopsis.
Mas… pesquisando para escrever aqui, vejam só, eu aprendo que não. A denphal não é resultante deste cruzamento, e sim ela é uma hibridação de dendrobiuns com flores de pétalas largas, lembrando borboletas (em latim papilio, origem das Phalaenopsis e penso eu do sufixo “phal” da espécie em questão). Pelo pedigree, posso dizer que são espécies resistentes. Valem a compra nos supermercados da vida, por mais “diferentes”que pareçam à primeira vista (a moça do caixa me olhou encasquetada: “A senhora vai levar estas mesmo? Não são iguais àquelas (e apontava para as phals…)
Não são iguais mesmo. 
São diferentes.
E lindas.
Vou me curvar à beleza delas.
Eu juro.
Beijo grande
Ah! O desapego das mudas sofridas já está rendendo flores. Este final de semana, já vi alguns botões esboçando vida em uma das plantas que foi para a fênix #feliz.


bem azeitado

cheesecake da lenita

ergonomia

que fim você dá ao seu computador?

flash da obra

5 VERDADES SOBRE O VINAGRE

© Copyright 2024 | flaviaferrari.com.br | Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: mufasa