abc do amadurecimento de frutas

amadurecimento de frutas

 

Em geral guardamos frutas da maneira que nossas mães faziam, sem muita lógica ou explicação. O fato é que o amadurecimento de frutas ocorre de forma diferente para cada uma delas e é importante conhecer para fazer com que elas durem mais e que, assim, evite-se desperdício de comida.

De acordo com as meninas da Dedo de Moça, precisamos saber como funciona o amadurecimento de frutas. Esta diferenciação é importante para decidir quais delas devem ser armazenadas em geladeira (as que não amadurecem depois de colhidas) e quais devem ser mantidas em temperatura ambiente até estarem quase maduras para depois serem refrigeradas (as frutas que amadurecem depois de colhidas).

Seguem as listas básicas:

FRUTAS QUE AMADURECEM DEPOIS DE COLHIDAS

Abacate

Ameixa

Banana

Caqui

Goiaba

Jaca

Kiwi

Lima

Maçã

Mamão

Manga

Melancia

Melão Cantaloupe (laranja)

Nectarina

Pera

Pêssego

FRUTAS QUE NÃO AMADURECEM DEPOIS DE COLHIDAS

Abacaxi

Amora

Blueberry (Mirtilo)

Cereja

Figo

Framboesa

Grapefruit (Toronja)

Laranja

Limão

Melão

Morango

Tangerina/Mexerica

Uva

O amadurecimento de frutas depois de colhidas deve-se à produção de etileno – por este motivo é tão eficiente a dica de embrulhar as frutas em um jornal, para “capturar” este gás e fazer com que o amadurecimento aconteça mais rápido. 😉 E aí fica também uma dica: caso você queira saber como é o processo de amadurecimento de uma fruta que não está nestas listas, pesquise pela produção ou não de etileno depois de colhidas.

Além disto, sempre vale lembrar que não se deve lavar nenhuma fruta antes de colocar na geladeira para que elas não estraguem mais rápido. Lave apenas na hora de usar e armazene-as em sacos tipo “zip” na gaveta do refrigerador.

Agora, quando as frutas já estiverem abertas ou se estiver muito calor é preferível colocá-las todas na geladeira para que sejam preservadas.

Um beijo grande,

flaviaamadurecimento de frutas

Flávia Ferrari

Engenheira E “dona de casa profissional” Abandonou uma carreira executiva para dedicar-se à maternidade e à vida doméstica e percebeu que havia um hiato de conhecimento sobre o tema. Começou a registrar todas as suas descobertas em seu site, FLÁVIA FERRARI, que gerou vários desdobramentos: revistas e programas de TV aberta e fechada. Sua mais nova empreitada é o canal A Dica do Dia no YouTube, onde posta vídeos com pequenas dicas domésticas todas às terças e quintas.
Flávia Ferrari

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE