Como editar o seu armário

Na consultoria de estilo, depois que a gente entende quem é exatamente a pessoa, qual o seu estilo, suas cores, seu corpo e rosto e define as estratégias que vão funcionar pra ela, a gente passa pra etapa seguinte: a da edição de armário – essa etapa que você conheceu no vídeo da semana, da nossa série dos bastidores!

A edição, nada mais é, do que provar absolutamente tudo o que se tem e decidir o que fica, o que sai e o que precisa ser arrumado. Ela é indispensável porque quanto mais cheio o nosso armário, maior aquela sensação de não ter nada para usar.

Quando guarda coisas demais, você não consegue encontrar as suas roupas mais queridas, perde mais tempo escolhendo, esquece que tem alguma coisa e compra duplicado, ocupa mais espaço e ainda estraga as peças porque amontoa mais coisas do que o espaço permite… Ou seja, apesar de muita gente acreditar que armário cheio é armário com muitas opções, a sua vida fica muito mais difícil quando não passa um belo filtro no que tem.

Eu acredito tanto na importância dessa limpeza, que no meu livro “Desentulhe o seu armário em 15 passos” eu resumi da seguinte forma: se armário bom é armário que trabalha por você, é preciso tratar cada peça como a uma candidata em um processo seletivo.

Você não contrataria qualquer pessoa para cuidar de assuntos importantes pra você, então que tal selecionar direitinho qual roupa merece estar na sua vida?

Durante a edição a gente também pode desenterrar alguns tesouros perdidos e até repensar se aquela blusa, que um dia foi tão amada, agora pode fazer outra pessoa mais feliz.

Eu sei que algumas decisões são mais difíceis, mas uma boa dica pra saber se vale a pena manter uma peça é listar com quantas outras ela combina no seu armário. Na consultoria, a gente tem uma etapa específica pra montar looks, mas sempre rola uma tentativa ou outra com uma peça mais desafiadora durante a fase da edição.

Foi o caso dessa saia azul, que a Flávia comprou mas quase não aproveitava e estava quase mandando embora. Durante a edição, nós vimos que rendia pelo menos 3 possibilidades de looks e a peça acabou ficando.

saia azul midi de camurça combinando com jaqueta jeans

na primeira possibilidade, a saia ganhou um ar mais casual com a jaqueta jeans

saia midi com blusa estampada e cor em comum

a segunda possibilidade foi combinar com a blusa mais versátil da Flávia: uma blusinha estampada que tem pelo menos uma cor em comum com a saia

saia midi com blusa estampada bem ousada

Mais uma tentativa com uma das favoritas da Flávia. Ainda seguindo a ideia da cor em comum, mas em uma proposta bem mais ousada, para os dias em que ela se sentir bem criativa.

Outra coisa que você pode fazer durante a edição é ajustar uma peça para que ela realmente funcione para o seu corpo. Às vezes, você nem precisa passar na costureira, só olhar de um jeitinho diferente para o que já tá aí… Mas isso é assunto pra outro post!

Que tal aproveitar os próximos dias para fazer aquela limpeza no seu guarda-roupa e se perguntar quais são as candidatas que melhor vão te representar nessa fase da sua vida?

Me conta aqui nos comentários o que você descobre por aí!

Se você não conseguiu acessar o vídeo, acesse o link para vê-lo diretamente: https://youtu.be/D8JO4Au75jM

Érica Minchin

CONSULTORA DE IMAGEM E VISAGISTA Érica Minchin é consultora de imagem e visagista, graduada em moda e pós-graduada em Sociopsicologia. Com sua metodologia ajuda mulheres a se libertarem, desbloqueando crenças que limitam o autoconhecimento e a expressão do próprio estilo.
Érica Minchin

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE