tapete voador

 

 

Esta foto tirei em um evento de lançamento que participei há um tempo: o local tinha uma decoração particular, cheia de objetos e ideias inusitadas.

Uma delas era esta: um tapete preso ao teto, no melhor estilo Ali Babá e os quarenta ladrões. Ao meu ver o efeito de surpresa no ambiente foi alcançado, o aspecto cênico, teatral.

Porém na vida quotidiana acho que uma solução como esta não é das mais adequadas: como manter? Como limpar?

Em minha casa, prefiro manter os tapetes voadores confinados às histórias das mil e uma noites. E você o que acha?

Beijo grande

Flávia Ferrari

Engenheira E “dona de casa profissional” Abandonou uma carreira executiva para dedicar-se à maternidade e à vida doméstica e percebeu que havia um hiato de conhecimento sobre o tema. Começou a registrar todas as suas descobertas em seu site, FLÁVIA FERRARI, que gerou vários desdobramentos: revistas e programas de TV aberta e fechada. Sua mais nova empreitada é o canal A Dica do Dia no YouTube, onde posta vídeos com pequenas dicas domésticas todas às terças e quintas.
Flávia Ferrari

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE