[PETS]

projeto tamar


Estou de férias e na última semana, fiquei na Bahia, mais precisamente na Costa do Sauípe, junto com o Renato. Resolvemos que precisávamos descansar e o fizemos. 
Mas não é porque estava descansando que deixei de me antenar nos animais. 
Pude ver de pertinho iguanas, micos, cavalos, ovelhas, diversos pássaros e o mais interessante, conheci o Projeto Tamar, que fica na Praia do Forte. 
O trabalho desta ONG é fantástico, mas o que me encantou mesmo foi poder presenciar uma cena rara (segundo os próprios funcionários do local): a pesagem e a avaliação de um machucado em uma das tartarugas marinhas. 
O bichinho (era um menino) havia sido mordido por outra tartaruga. Estranho, não? Pois é, aproveitei para fazer várias perguntas à veterinária. 
Ela me contou que as tartarugas marinhas são territorialistas e muito solitárias e por este motivo atacam outras tartarugas. 
Também aprendi a diferenciar os machos das fêmeas, o primeiro tem uma cauda grande e a segunda tem a cauda bem pequena. 
Outra curiosidade: as tartarugas marinhas não conseguem esconder a cabeça dentro dos cascos, diferentemente das tartarugas domésticas. 
Deixo aqui a sugestão, se forem visitar a Bahia, vale um passeio até o Projeto Tamar para ver de pertinho os animais e entender um pouco mais sobre este magnífico trabalho. 
Até semana que vem. 
Carol
carol@decoracasas.com.br 

COMO A ORGANIZAÇÃO DIGITAL PODE AJUDAR NA VIDA OFF-LINE

um natal generoso para vocês

SERÁ QUE FUNCIONA? COMO DESEMPERRAR O ZÍPER

depois dos 35

namorada do Mister Maker

OS TRUQUES DE BELEZA DAS GRINGAS – CONTO TUDO! | #ADICADODIA

© Copyright 2024 | flaviaferrari.com.br | Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: mufasa